quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Histórias Extraordinárias de Edgar Allan Poe ♥

Postado por Biia Cavagleiro às 03:51
Olá!
Nada melhor do que começar a TAG com meu autor de livros preferido Edgar Allan Poe! Mas antes de falar de suas histórias, vou contar um pouco sobre a vida perturbada desse escritor.
Edgar Allan Poe nasceu em Boston, no dia 19 de janeiro de 1809 e foi um autor, poeta, editor e até mesmo um crítico literário. Ele se tornou conhecido por suas histórias misteriosas e macabras histórias e ainda, sendo considerado o inventor do gênero ficção policial e recebendo créditos por contribuir para a criação do gênero de ficção científica. E foi o primeiro escritor americano que ficou conhecido por tentar ganhar a vida apenas através de suas histórias, o que não deu muito certo, já que sua vida financeira foi bem complicada.

Inicialmente com o nome de Edgar Poe, quando jovem ficou órfão de mãe, que morreu pouco tempo depois de seu pai os abandonar. Então foi acolhido por Francis Allan e seu marido John Allan, mas nunca fora formalmente adotado.
Começou sua carreira com a publicação de uma coleção anônima de poemas, em 1827, chamado Tamerlane and Other Poems. Em 1835, casou-se em segredo com Virginia Clemm, sua prima de (pasme!) 13 anos de idade. Em janeiro de 1845, depois de publicar muitas histórias, Poe publicou o poema The Raven, sendo um sucesso instantâneo. Infelizmente sua esposa morreu dois anos depois da publicação, vítima de tuberculose.
Poe morreu em 7 de Outubro de 1849, em Baltimore e a causa da sua morte é desconhecida. O estranho é que antes de sua morte, chamava por Reynolds e existem relato divergentes sobre suas últimas palavras. Uns afirmam que foi: "Está tudo acabado! Escrevam Eddy já não existe!", já outros: "Senhor, ajudai minha pobre alma". Sua vida é tão misteriosa quanto suas histórias!

Seu corpo está enterrado  em Baltimore, no cemitério de Westminster. Desde 1949, um admirador deixava três rosas vermelhas e meia garrafa de conhaque em seu túmulo, toda noite do dia 19 de janeiro (aniversário de Poe). Esse estranho se tornou conhecido como Poe Toaster (Aquele que brinda a Poe), mas desde 2009 ele não aparece por lá.
O filme O Corvo (2012), conta a história de Poe e mostra de forma fantasiosa, o motivo de sua morte. Vale a pena assistir!
 O livro Histórias Extraordinárias reúne os melhores contos de Poe. Encontrei esse livro por acaso, na biblioteca da minha antiga escola e eu sou do tipo que gosta de um livro pela capa. Então quando vi a capa de um gato preto, me apaixonei. Todas as histórias são contadas em primeira pessoa, através da visão do personagem principal e são de um gênero meio suspense, mas nem todos os contos são aterrorizantes. São de fácil compreensão (encontre as versões mais atuais de seus livros) e nos prende a atenção logo no primeiro parágrafo. Algumas das histórias dos livros:
Berenice (1835) - Conta a história de um homem chamado Egeu e está prestes a se casar com sua prima Berenice. Mas ela sofre de terríveis e constantes convulsões, chegando ao óbito. Como ele a amava, passa a ter uma atitude bastante obsessiva em relação ao seu amor. Conto sinistro e, confesso, meio assustador.
Ligeia (1838) - Um homem companha a doença de sua segunda esposa, enquanto ainda sofre pela morte do seu primeiro amor. Com o acompanhamento da morte da segunda esposa, o personagem vai percebendo que coisas estranhas começam a acontecer.
A queda da casa de Usher (1839) - Conta a história de um homem que vai visitar seu amigo de infância. Ao chegar em sua mansão, vê que a irmã de seu amigo está prestes a morrer. Assim que ela morre, eles a enterram na parte debaixo da mansão. Mas logo descobrem o erro que cometeram. Esse conto é um dos mais sinistros que já li, o gênero deste realmente chega a ser terror.

Os assassinatos da Rua Morgue (1841) - É uma história voltada para a ficção policial e conta a história de um detetive que procura resolver o caso de dois assassinatos de mulheres na Rua Morgue.
O Gato Preto (1843) - A arte da capa do livro veio à partir desse conto, que é meu preferido. Conta a história de um homem que sempre fora apaixonado por bichos, mas é tomado pelo álcool e passa a ter aversão a eles. Principalmente ao seu gato especial chamado Plutão. Em um certo momento de fúria, ele mata o gato enforcado, achando que seria o fim dos seus problemas. Porém foi só o começo.
Há outras histórias inclusas nesse livro, que são igualmente surpreendentes para quem gosta desse tipo de gênero. Sem dúvida, é super indicado por ser uma obra literária e um clássico.
A postagem ficou longa (e eu resumi muita coisa...), mas espero que gostem! 





10 comentários:

  1. Eu não o conhecia em toda essa plenitude,
    parabéns pelas belas informações...
    Bjos

    Daniela Moura
    FB
    www,projetodanifeliz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Já ouvir muito sobre O corvo, mas não sabia que retratava sobre esse autor. Excelente post, deu até vontade de ler, apesar de parecer um tanto "assustadores" kk


    FB
    Gisele Souza Ribeiro
    http://giseleszarbo.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! ^.^ Então, seus contos é daquele estilo que você chega no fim e para pra pensar nele. Vale a pena ler pelo menos um... hehehe Não comece pelo Gato Preto porque, na minha opinião, é o mais trágico.

      Excluir
  3. Olá! nossa devemos muito ao Caro Edgar então. Amo ficção cientifica e policial *.*
    bjkass
    FB
    http://dicasdeadolescentepraadolescente.blogspot.com.br/
    http://dicasdeadolescentepraadolescente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo! Também amo ficção e policial. ♥

      Excluir
  4. Oi, também gosto dos livros dele, mas não sabia muito sobre sua vida... poxa casar com a prima de 13 anos... shaushaus
    Fiquei com vontade de ler esse livro.
    Beijos
    FB
    doladodajanela.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Biia querida!
    Aaaaah, amei esse post!
    Eu não conhecia muitoooo do Poe até um ano e pouco atras...eu fiz uma oficina sobre o "Corvo" numa cadeira da faculdade. E aprendi bastante coisa...
    Nossa, ele é mega talentoso como escritor. Eu não sabia que "A teoria do conto" foi escrita por ele p/ falar do corvo e acabou sendo implantada na literatura cânone p/ falar de todos os contos.
    Eu adoro os clássicos dele "o corvo", "o gato preto" e "os assassinatos da rua Morgue".
    Boas leituras. Beijinhos
    FB ♥

    Pink CupCake

    ResponderExcluir
  6. Adorei o post, agora fiquei com vontade de comprar esse livro*.*
    O único conto que li foi o gato preto e é muito bom!!!

    Andressa Gomez - FB
    hardbanger.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Uau!! Já tinha ouvido falar dele, mas confesso que tenho um pouco de medo de ler seus livros, mas tenho vontade rsrs Lindo Blog! Beijos!

    BigJaque
    http://pluralissimo.blogspot.com FB

    ResponderExcluir

 

. Copyright © 2014 Cerise Love